Seminário PGCST – 15/09/2016

Seminário PGCST
Data: 15/09/2016 – quinta-feira
Horário:
1º palestra 15 horas
2º palestra 15h 30min
Local: Auditório do Lambda – Prédio Lambda – INPE/SJC

1º Palestrante: Dr. Marcelo Manzi Marinho – 15 horas
Lattes:http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4785019E0

Título: Eutrofização em tempos de mudanças climáticas: como mitigar as florações de cianobactérias?

Resumo: Florações de cianobactérias é um grave problema mundial que afeta a qualidade da água e compromete sua a utilização para todas as finalidades. Uma das principais consequências da eutrofização são as florações de cianobactérias potencialmente tóxicas, com ocorrências cada vez mais intensas e freqüentes em ecossistemas aquáticos continentais e reservatórios em todo o mundo, constituindo grave problema ambiental e de saúde pública. Assim, o controle da eutrofização e mitigação das florações nocivas de cianobactérias são considerados desafios-chave para o gerenciamento da qualidade da água.  O controle da disponibilidade de fósforo (P) é crucial para mitigação da eutrofização e deve focar tanto na acentuada redução dos aportes externos quanto no estoque interno de P, uma vez que a ciclagem interna pode retardar a restauração do lago por décadas. A redução do estoque interno de P, que está presente tanto na coluna d’água quanto no sedimento, tem sido alcançada com uso de alumínio, ferro e minerais de terras raras para ligar o P no sedimento. Outros métodos como oxigenação da água de fundo, retirada de água do hipolíminio e métodos que removem ambos N e P, têm também sido utilizados em menor extensão.

 

2º Palestrante: Doutoranda Marcela Miranda – 15h 30 min
Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4282118Z0

Título: Medidas de mitigação para controle e manejo das florações de cianobactérias em um sistema raso tropical.

Resumo: A restauração de sistemas aquáticos eutrofizados é um dos principais desafios da limnologia (estudo de águas continentais) atual, devido à complexidade das dinâmicas desses ambientes. Uma das principais consequências desse processo, as florações de cianobactérias, comprometem a utilização das águas para diversos fins. Desta forma, a identificação das principais entradas de nutrientes principalmente Nitrogênio (N) e Fósforo (P), juntamente com a avaliação de outros parâmetros ambientais é de fundamental importância para entender a dinâmica desses eventos. A utilização de produtos coagulantes associados a algum tipo de lastros pode ser uma medida adequada para o controle e manejo das florações de cianobactérias. Neste estudo, utilizamos um reservatório artificial eutrofizado (Lago do Museu Mariano Procópio) como modelo para estratégias de controle de cianobactérias em sistemas tropicais.