Convite: Seminários PGCST (19/09/2018): Balanço atual de carbono na Amazônia e perspectivas futuras

Seminarios PG-CST

Data: 19/09/2018 – quarta-feira
Local: Auditório Lambda– Prédio Lambda – INPE/SJC
Horário: 15h00min

Palestrante: Celso von Randow – CCST/INPE/SJC
Título:  Balanço atual de carbono na Amazônia e perspectivas futuras

Resumo:
A bacia amazônica contém a maior floresta tropical úmida contígua do planeta. Ela se estende do Atlântico até os Andes e abrange mais de cinco milhões e meio de quilômetros quadrados. A floresta abriga a maior parte da biodiversidade do mundo, enquanto seus sistemas fluviais contribuem com 20% dos recursos globais de água doce. O carbono armazenado em sua biomassa equivale a cerca de dez vezes a atual emissão anual de combustíveis fósseis. Observações locais e atmosféricas sugerem que, através do crescimento das árvores, a floresta amazônica atua como um sumidouro líquido de carbono, mas a força deste sumidouro parece ter diminuído desde a década de 1990 e os recentes eventos de seca em 2005, 2010 e 2015 podem ter temporariamente revertido o sumidouro de carbono da Amazônia em uma fonte.

Além de eventos climáticos extremos, a mudança no uso da terra e degradação florestal tem também um claro papel de influenciar fortemente o atual ciclo de carbono da Amazônia, e têm o potencial de causar impactos significativos no clima global. Neste seminário, pretendo revisar alguns estudos recentes, avaliando efeitos de perturbações climáticas e antropogênicas no balanço de carbono da Amazônia brasileira, e suas perspectivas futuras, discutindo limitações e oportunidades para simular estes efeitos com modelos do sistema terrestre.